domingo, 13 de junho de 2010

OS INDIVÍDUOS, SUAS HISTÓRIAS E SUAS FAMÍLIAS - 18

BÉDAT (2) - Este grupo, passageiro do Heureux Voyage, era composto por irmãos de Frederic Bédat. Eram eles Marie-Catherine , nascida em 1795 e Louis (ou Humbert) nascido em 1805 (uma terceira irmã, inscrita, não embarcou). Marie-Catherine se casaria em Nova Friburgo com o imigrante Henri Bockstall, que morreria em 1826 esmagado por uma árvore. O casal teve uma filha e Catherine outra filha após viuvez. Quanto ao irmão Louis, este partiria para o Rio de Janeiro.
BÉDAT (3) - Antoine Bédat, 21 anos, viajou no Debby Elisa mas pouco tempo permaneceu no Brasil, embarcando para Lisboa.
BELLINGER - Dominique Bellinger tinha 44 anos ao embarcar no Heureux Voyage. Católico de lingua alemã faleceu logo após chegar à Nova Friburgo.

15 comentários:

  1. Onde você consegue essas informações das familias de Nova Friburgo?

    Sou decendente dos Suíços que vieram para Nova Friburgo e gostaria de saber se consigo saber essas informações sobre minha familia

    ResponderExcluir
  2. Henrique .... consigo um e-mail para contato contigo.
    Estou montando uma arvore genealógica da familia Tardim e tenho algumas lacunas, talvez você tenha elementos que possam me ajudar.
    Grato
    marcos.tardim@ig.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Pessoal
    Sigo o blog há pouco tempo e o encontrei durante minhas pesquisa sobre a imigração suíça. Sou escritora em início de carreira, com apenas um livro lançado (Órfãos de Haximu, ed. FTD). Atualmente me dedico a um romance que fala um pouco da saga dos suiços no Brasil e conta história de uma descendente de quase 100 anos, passando por momentos importantes da história do Brasil como a ditadura de Vargas, seu segundo governo e a ditadura militar.
    O romance tem inspiração autobiográfica, já que eu mesma sou descendente de suíços, mas é pura ficção. Essa história que eu acabei de contar antecede um pedido a todos os descendentes suíços. Se tiverem histórias interessantes, se souberem algo sobre Elza Monerat, principalmente, por favor, entrem em contato! Você pode me achar procurando por "Parole Traduções"
    Obrigada!!

    ResponderExcluir
  4. Oie,voce sabe algo sobre a família Givisiez? Sou descendente dessa familia(apesar de minha bisavó ter ficado com o nome e nao colocou em meu avo)
    O nome da minha bisavó é Florips Givisiez,se nao me engano,o pai dela se chamava Henrique Givisiez. Andei pesquisando sobre a familia,e ligando os fatos,me parece que o nome suiço dele era Henri Charles,e sua mae, Marie Cudré Givisiez,é por ai... pois a minha pesquisa conta que essa familia se dispersou e alguns vieram para divino - MG,de onde veio a minha familia. Voce poderia,se possivel,disponibilizar alguma informaçao,a respeito para mim? muito obrigada :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi loli,sou marcos giviziez filho de flabio giviziez filho de edson givisiez que è primo de tirso givigiez que foi prefeito de divino.marie cudré foi esposa de franz michael givisiez ambos suiços, que migraram em 1833 pra nova friburgo rio de janeiro.se vc e de divino conhece minha familia, sou carioca. se vc souber algo sobre edson giviziez me fale. abs. marcosgiv9@gmail.com

      Excluir
  5. Parabéns Pelo Blog, conteúdo incrível. Você tem muita sorte em ter posse destes registros. Sou muito curioso em saber sobre a vida da minha Família da Suiça para o Brasil, sou da Familia Bodevan, você sabe de algo sobre esta família? Obrigado, até mais. Meu e-mail: lohan.bodevan@facebook.com

    ResponderExcluir
  6. Rosana de Lourdes Ouverney Martins Sutério3 de maio de 2011 08:32

    Sou mais uma de seus muitos admiradores, sua obra é de um conteúdo muito rico. Sou da família Ouverney, Augusto Ouverney Sobrinho, nascido em 18 de fevereiro de 1817 , onde não tenho mais nenhum dado dele, nem pais e irmãos, mis ninguém casado com Maria Amélia Rimer sendo seus pais João Rime e mãe nome desconhecido.Meu avô João Manoel da Cruz Ouverney,nasceu em Macaé em 22 de novembro de 1904 era o filho mais velho de muitos outros, se mudaram de Macaé para Divino-Minas Gerais, e se casou com minha avó, Lirozina Souza Lima (filha de Justina Frossard)em 1935.Haveria algum dado de minha família para acrescentar na minha pesquisa? Desde já muito obrigado e Parabéns pelo seu trabalho. Rosana Ouverney Martins-Volta Redonda-RJ

    ResponderExcluir
  7. Henrique, parabéns pelo trabalho.
    Sou da Família Hott e tenho referências que no navio Deux Catherine chegaram imigrantes suiços de minha família. Nos seus estudos tem alguma outra referência. Tenho um documento da Casa de Cultura de Nova Friburgo que cita a chegada de 6 pessoas de minha família em 1819 (04/02/1819).

    ResponderExcluir
  8. Ola, esse blog não é mais atualizado?
    Vi que só há posts sobre as familias com a letra A e B.

    Se alguem tiver informações sobre algum Pache que tenha vindo na imigração de 1819, poderia me passar. Grato
    claudio.pache@gmail.com

    ResponderExcluir
  9. Olá parabéns pela iniciativa! Gostaria de informaçoes sobre meu bisavô Adrien Daumas (ou nome original Adrien Dumas), documentos , fotos, informaçoes..

    grata!

    ResponderExcluir
  10. Adriana Daumas Pinheiro GUimaraes Adriana Daumas1 de abril de 2012 18:05

    Olá parabéns pela iniciativa! Gostaria de informaçoes sobre meu bisavô Adrien Daumas (ou nome original Adrien Dumas), documentos , fotos, informaçoes..

    grata!

    ResponderExcluir
  11. Preciso saber se neste navio, estava a família Hott?

    ResponderExcluir
  12. Gostei do blog. Sou descendente das famílias FOLLY e MURY. Tem alguma informacão?

    ResponderExcluir
  13. Olá, minha família é Verlingue e segundo meu avô, família Suíça.... Alguém conhece algum verling ou verlingue?

    ResponderExcluir
  14. boa noite a todos da familia verdan, sou edmar verdan de duque de caxias rj,sei pouca coisa da minha linhagen, mas sei que meus tetra avo, gean henry verdan veio para nova friburgo, meus biza avo , plauton moreira verdan e mavalda moreira de sá, se alguem souber de alguma coisa meu face e edmavp@gmail.com. abraços

    ResponderExcluir